Brumado registra mais um óbito e atinge marca de 2 mil casos da Covid-19


A Secretaria Municipal de Saúde de Brumado confirmou mais 42 casos de pacientes brumadenses diagnosticados com o coronavírus nesta terça-feira (13). Com isso, o município atingiu a marca de 2 mil casos da doença. Mais um óbito em decorrência das complicações da Covid-19 foi registrado.

Agora são 21 pacientes que morreram após contraíram o coronavírus. A pasta não divulga detalhes sobre as vítimas, como sexo, idade, local do falecimento e pré-existência de comorbidades.

Do total de infectados, 1.685 se recuperaram da infecção, outros 294 seguem em tratamento, sendo que 10 pacientes estão hospitalizados. Brumado soma ainda mais 78 casos suspeitos da doença que ainda aguardam investigação laboratorial.

Desde o início da pandemia, foram 6.700 notificações de suspeita da doença, dos quais 4493 já foram descartados.

Segundo a secretaria, as notificações suspeitas abrangem pacientes com quadros de síndromes gripais diversas, dentre os quais alguns se encaixam nos critérios para realização do exame RT-PCR ou via teste rápido. Estes últimos estão sendo usados de forma criteriosa, em casos excepcionais, como estratégia para ampliar e tornar mais eficaz o enfrentamento à pandemia no município.

Um dos infectados é o secretário de Saúde, Cláudio Soares Feres. Ele apresentou sintomas da doença na última semana e teve o resultado do exame disponibilizado nesta segunda-feira (12), confirmando o diagnóstico da Covid-19. O gestor da área de Saúde em Brumado segue em isolamento domiciliar.

Agência Sertão

Aviso: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não reflete a opinião deste site. Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas com conteúdo ofensivo como palavrões ou ofensa direcionadas a pessoas ou instituições. Além disso, não serão permitidos comentários com propaganda (spam) e links que não correspondam ao post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *