Caculé: Moto+ é premiada pelo Banco do Nordeste, sendo destaque entre as empresas baianas


 

BNB premiou empreendimentos dos setores da Indústria, Comércio, Serviços e no âmbito da Inovação.

Instituto de Radiodiagnostico da Bahia (Irba), Alpha Fitness, PLT Reciclagem e a Moto+. Estas foram as quatro empresas baianas que conquistaram este ano o Prêmio Banco do Nordeste das Micro e Pequenas Empresas. Divididos em quatro categorias – comércio, serviços, indústria e inovação – os clientes foram selecionados por uma comissão julgadora a partir de critérios como inovação empregada no negócio, competitividade, produtividade, adoção de práticas que visam a redução do impacto ambiental, número de empregos gerados e evolução de receitas após a parceria com o BNB. Em sua oitava edição, o evento reuniu, nesta sexta-feira (10), no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), em Salvador, o presidente da instituição, José Gomes da Costa, o superintendente de Agronegócio e Microfinança Rural, Luiz Sérgio Farias Machado, o superintendente do BNB na Bahia, Diego Rocha Batista, dentre outras.

Em seu discurso, José Gomes da Costa disse que um dos grandes desafios do BNB hoje é acelerar o processo de concessão de crédito para as empresas em sua área de atuação. “Somos o banco que tem as melhores taxas, os melhores prazos e as melhores condições,, mas temos que reconhecer que precisamos também de uma maior agilidade de entrega, o que significa diminuir a burocracia. E nós vamos conseguir isso, com certeza. Muitos avanços já foram feitos e a diretoria toda está engajada neste sentido”, afirmou.

A Moto+, de Caculé-Ba, foi a vencedora na categoria comércio. Antonio Manoel Bomfim Filho, um dos donos da empresa, disse que o o prêmio é um “reconhecimento importante”. “Tivemos o apoio do BNB desde o início da empresa. O segmento de motos no país está em crescimento, movimenta a economia e gera empregos, portanto, temos um mercado muito grande para evoluirmos. No início da empresa, éramos apenas eu e meu sócio trabalhando, e hoje empregamos 58 colaboradores. Sem dúvida, o BNB foi fundamental para o nosso crescimento”, disse o empresário.

 

Confira as fotos:

 

 

 

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não reflete a opinião deste site. Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas com conteúdo ofensivo como palavrões ou ofensa direcionadas a pessoas ou instituições. Além disso, não serão permitidos comentários com propaganda (spam) e links que não correspondam ao post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *