Daniel Almeida e Kannário estão entre deputados que mais gastaram verba pública durante pandemia


 

Dos 513 deputados federais, os parlamentares pela Bahia Igor Kannário (DEM) e Daniel Almeida (PCdoB) figuram a lista dos oito deputados que mais gastaram dinheiro da cota parlamentar durante a pandemia do novo coronavírus.

A verba, destinada para o cumprimento dos mandatos, pode ser empenhada em consultorias, gasolina para carros, refeições e quartos de hotel. Em atividade remota na Câmara dos Deputados e isolamento social devido a pandemia, Kannário e Almeida gastaram, juntos, mais  de R$ 140 mil de verba pública, de 20 de março aos dias atuais.

Com despesas de R$ 74 mil, Kannário foi o quinto parlamentar com o maior gasto durante a pandemia. Apenas com consultoria, o deputado gastou R$ 50 mil. Procurado pela Folha de S.Paulo, Kannário não foi encontrado para comentar os custos aos cofres públicos.

Oitavo no ranking geral de uso de R$ 71 mil cota, Daniel Almeida (PCdoB) disse, por meio de assessores, que só poderia justificar nesta semana. Confira a lista:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não reflete a opinião deste site. Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas com conteúdo ofensivo como palavrões ou ofensa direcionadas a pessoas ou instituições. Além disso, não serão permitidos comentários com propaganda (spam) e links que não correspondam ao post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *