Jovem baleada pelo ex ‘ressuscita’ após ter morte cerebral constatada


Baleada pelo ex-namorado, Karina Souto Rocha teve morte cerebral constatada. No entanto, ela reagiu no momento em que os aparelhos seriam desligados. De acordo com o “Metrópoles”, uma enfermeira entrou no quarto após a ordem de desligamento e viu a paciente mexer a mão. Ela estava internada no Hospital Municipal de Barra do Garças, no interior do Mato Grosso.

Karina namorava com Baltazar Augusto de Menezes, 58. No último sábado (1º), ele ligou para o amigo Elias Pereira de Melo e informou que precisava falar com sua ex-namorada. Após o casal brigar, Baltazar disparou cinco tiros, sendo três em Karina, um no chão e outro em si mesmo.

Segundo o portal “O Livre”, foram três disparos na cabeça de Karina, em uma distância de mais ou menos um metro. Em seguida, Cleudileni Ferreira, esposa de Elias e dona da casa, pulou em Baltazar para impedi-lo de continuar a atirar em Karina.

Ao se desvencilhar de Cleudileni, Baltazar colocou a arma em seu próprio ouvido e atirou. Ele morreu na hora. Karina estava sentada e até conseguiu se levantar e andar um pouco antes de cair na porta da cozinha. Ela foi socorrida com vida.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não reflete a opinião deste site. Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas com conteúdo ofensivo como palavrões ou ofensa direcionadas a pessoas ou instituições. Além disso, não serão permitidos comentários com propaganda (spam) e links que não correspondam ao post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *