Mulher é presa suspeita de abusar sexualmente da sobrinha de 11 anos, em Rubiataba


 

 

Uma mulher de 50 anos foi presa suspeita de abusar sexualmente da sobrinha, que tem 11 anos, enquanto a menina passava uns dias na casa dela, em Rubiataba, região central do estado. O delegado Carlos Caetano Júnior disse que o estupro aconteceu uma vez e que a tia agiu de forma muita violenta.

“A sobrinha foi ficar na casa da tia porque ela está meio adoentada, para acompanhar. À noite, quando a menina saiu do banho enrolada na toalha, a mulher saltou sobre ela, arrancou a toalha, a jogou na cama e praticou o abuso de forma violenta”, explicou o delegado.

O nome da tia da criança não foi divulgado pela polícia. Por isso, o G1 não localizou a defesa para se manifestar.

A mulher foi presa no último dia 2 e estava detida até a publicação desta reportagem, nesta quinta-feira (9). Segundo o delegado, a tia negou o abuso e alegou que a menina tirou a toalha para a seduzir.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não reflete a opinião deste site. Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas com conteúdo ofensivo como palavrões ou ofensa direcionadas a pessoas ou instituições. Além disso, não serão permitidos comentários com propaganda (spam) e links que não correspondam ao post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *