Governo Federal emite alerta de chuvas para a cidades de Caculé, Guanambi, Jacaraci, Rio do Antônio e Licínio da Almeida


As chuvas que seriam motivo de alegria para os baianos, têm sido motivo de preocupação para prefeitos, moradores e governo estadual. O Instituto Nacional de Meteorologia, do governo federal, emitiu nesta quarta (13) alerta de emergência para 218 municípios baianos. O motivo seria a quantidade elevada de chuva prevista para cair em algumas regiões da Bahia como Chapada Diamantina, Nordeste Baiano, Sul Baiano, Recôncavo Baiano, São Francisco Baiano e Sudoeste Baiano. O alerta indica que pode chover nestes municípios entre 30 a 60 mm/hora ou 50 a 100 mm/dia. Há também o risco de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco.

Na região da Serra Geral o alerta inclui Caetité, Guanambi, Brumado, Aracatu, Caculé, Condeúba, Guajeru, Igaporã, Jacaraci, Lagoa Real, Licínio de Almeida, Matina, Palmas de Monte Alto, Pindaí, Riacho de Santana, Rio do Antônio, Sebastião Laranjeiras e Urandi, além de Vitória da Conquista. Cidades como Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, Jequié, Brumado e Urandi, a chuva provocou grandes estragos em ruas e casas destes municípios. O mesmo órgão federal orienta aos moradores destas localidades a evitarem enfrentar o mau tempo, observar alteração nas encostas, se possível e se fizer necessário, desligar aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Em caso de situação de inundação, ou similar, proteger os pertences da água, envoltos em sacos plásticos e neste caso ligar imediatamente à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193), onde existir esse serviço.

 


Licínio de Almeida e Região: Da seca á cheia, chuva no município muda a paisagem dos rios


Foto: Leitor do Sertão Em Dia

A chuva dos últimos dias aumentou o nível dos rios e represas em Licínio de Almeida, localizado na região do Sudoeste Baiano. Por conta da seca, os reservatórios estavam com pouca água, mas agora podem ser vistos mais cheios, nesta quarta-feira (13).
Há um mês, a situação na região era crítica. Depois da chuva, a régua de medição do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) registrou um acumulado de 70 mm para a cidade.
As fortes chuvas que caíram nos últimos dias começaram a mudar a paisagem da região e já estão enchendo os sertanejos de esperanças.
No distrito de Cachoeirão, localizado no município de Licínio de Almeida, as fotos encantaram os internautas de toda região. As intensas chuvas levaram ao aparecimento de uma pequena cachoeira no meio da linha férrea.

Foto: Leitor do Sertão Em Dia

Já no vídeo abaixo, as intensas chuvas provocaram uma grande evasão de água no rio de Tauape, a qual deságua na represa do Truvisco.

 Por:  Caetano Augusto / Confira o Vídeo

 

 

Por: Caetano Augusto 

 



Sexta-feira fria em Vitória da Conquista; termômetros marcam 12°


Foto: Blog do Anderson

 

O sol reabriu no dia anterior, mas a sexta-feira (5) amanheceu fria em Vitória da Conquista. Conhecida como Suíça Baiana, as baixas temperaturas é uma das principais características da cidade nordestina. Por volta das 7h45 a sensação térmica era de 12°.

De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), a sexta será nublado com temperatura máxima que poderá chegar aos 22°


Clima em Caculé.

Depois de dias quentes e ensolarados, a madrugada dessa quarta feira iniciou com muita chuva. De acordo ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o sudoeste baiano terá grandes índices de chuva. Chegando em algumas cidades a 120 mm de chuva.


Depois de dias quentes e ensolarados, a madrugada dessa quarta feira iniciou com muita chuva. De acordo ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o sudoeste baiano terá grandes índices de chuva. Chegando em algumas cidades a 120 mm.

Em Caculé os termômetros registram mínima de 20°C e máxima de 31°C. De acordo ainda com os institutos de meteorologia (clima tempo), para esta quinta feira (30), há previsão de precipitações em torno dos 20 milímetros. Já na sexta feira (31) a previsão chegará aos 23 mm.