Análise: Corinthians erra menos, acha time ideal e consolida identidade com Carille


A cada decisão que o Corinthians enfrenta no mês de abril, reforça-se a tese de que a equipe treinada por Fábio Carille não precisa ter a bola o tempo todo nos pés para construir, ser eficiente e ganhar partidas. A vitoria por 2 a 0 sobre o São Paulo, neste domingo, no Morumbi, representa a atuação mais completa da equipe alvinegra em 2017.

Defensivamente, mais uma partida segura. Ofensivamente, enfim, uma partida em que o time soube levar perigo, aproveitar suas chances e mostrar que não estava no Morumbi só para esperar o rival jogar. A chave de tudo isso? Um maior índice de acerto nos passes.


Em jogo quente, Corinthians empata com Inter no Beira-Rio e leva vantagem para São Paulo


O JOGO

Em duelo já antecipado nos bastidores pela troca de farpas entre as duas direções, Inter e Corinthians fizeram um jogo quente, mas leal na noite desta quarta-feira, no Beira-Rio, e empataram em 1 a 1 pela quarta fase da Copa do Brasil. Enquanto Romero abriu o placar para os visitantes, Rodrigo Dourado decretou a igualdade em Porto Alegre, o que deixa o confronto totalmente aberto para a volta, em São Paulo. Porém, o gol qualificado dá vantagem ao Timão.

 


No duelo de rubro-negros, Fla bate Atlético-PR e assume ponta do Grupo 4


O JOGO
No primeiro encontro de brasileiros na Libertadores 2017, Flamengo e Atlético-PR tinham em comum muito mais que as cores rubro-negras. Com desfalques importantes, ambos buscavam uma vitória para ter tranquilidade na fase de grupos. Diante de um Maracanã lotado, com direito a mosaico 3D lembrando o título de 1981, o Fla encaminhou o triunfo com gols de Guerrero e Diego nos primeiros minutos, mas viu o Furacão descontar com Nikão no segundo tempo e ensaiar uma busca pelo empate. No fim, conseguiu segurar o placar de 2 a 1, para alívio dos quase 60 mil torcedores que compareceram ao estádio.


Em dia de homenagens, Chape vence ‘amigo’ A. Nacional em 1º jogo da Recopa


O encontro que a tragédia impediu, enfim, aconteceu.

Na noite desta terça-feira (4), Chapecoense e Atlético Nacional (Colômbia) se enfrentaram na Arena Condá pelo primeiro jogo da Recopa Sul-Americana 2017. Em campo, a Chapecoense venceu por 2 a 1, com gols de Reinaldo e Luiz Otávio. Fora dele, porém, os dois lados tiveram o que comemorar.

Desde a chegada a Chapecó na segunda-feira, a delegação do time colombiano recebeu diversas homenagens – da Prefeitura, das autoridades locais, de moradores e do clube. Antes de a bola rolar, o estádio foi palco do chamado “Show da Gratidão”, com imagens exibidas em um telão e apresentação do cantor Duca Leindecker. Durante a tarde, o público já comparecia massivamente ao local.


Isaquias Queiroz disputa prêmio de Atleta do Ano de 2016 nesta quarta (29), no Rio

Canoísta baiano, que conquistou três medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio, também concorre a Atleta da Torcida, junto com Robson Conceição; saiba como votar.


Canoísta baiano, que conquistou três medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio, também concorre a Atleta da Torcida, junto com Robson Conceição; saiba como votar.

O canoísta baiano Isaquias Queiroz busca nesta quarta (29), a partir das 20h, no Rio, mais um troféu para sua galeria de conquistas. E logo na capital carioca onde, no ano passado, o ubaitabense conquistou duas pratas e um bronze nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, se tornando o brasileiro com mais medalhas numa só edição de Olimpíada.

Isaquias é um dos três indicados ao prêmio de Atleta do Ano, promovido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB). Ao lado dele na disputa está o saltador Thiago Braz, ouro no Rio-2016, e o levantador Serginho, que também subiu no topo do pódio junto com a seleção masculina de vôlei.

O baiano conquistou o troféu no ano passado por conta de sua performance em 2015. No feminino, o título ficou com a também baiana Ana Marcela Cunha, que está fora das indicadas neste ano, até pelo resultado ruim na prova da maratona aquática na Olimpíada do Rio. A disputa ficará entre a nadadora Poliana Okimoto, bronze na maratona aquática no Rio-2016, a judoca Rafaela Silva e a dupla de velejadoras Martine Grael e Kahena Kunze, ambas ouro nos Jogos.

DA GALERA

Outro baiano na disputa de um troféu nesta quarta (29) é o pugilista Robson Conceição, ouro no Rio-2016. Ele concorre ao prêmio de Atleta da Torcida com todos os indicados para Atleta do Ano, além de Alison/Bruno Schmidt (vôlei de praia), Arthur Nory (ginástica artística) e Diego Hypólito (ginástica artística).

A votação é pública e pode ser feita através da página ‘Time Brasil’ no Facebook e no site www.cob.org.br/pbo. A computação dos votos será encerrada momentos antes da cerimônia desta quarta (29).